PRONAF Estiagem libera crédito para o assentamento Pirangi

Arquivado em (RN) Por Wallacy Atlas on 10-06-2013

Rural

Na ultima terça-feira, 04, dando continuidade aos trabalhos do assentamento Pirangi, localizado no município Galinhos/RN, estiveram na agência Banco do Nordeste de Macau/RN, quatorze famílias que fizeram o PRONAF ESTIAGEM, totalizando R$ 167.812,82. O PRONAF estiagem é um programa de financiamento que visa amenizar os danos causados pela seca, estando envolvidos nesse processo o gerente geral da referidas agencia, Humberto Anselmo, Paulo George, gerente do PRONAF, Neto da CODESAOP/Macau e Cícero, Presidente Do Sindicato Rural De Galinhos.

Diante da quantidade de agricultores e agricultoras nesse dia, para receberem o dinheiro do financiamento, o senhor Humberto, com sua grande experiência e sensibilidade, abriu a agência as 9:30 horas da manha, para assinaturas finais e liberação dos recursos, tendo a  agilidade precisa de Paulo George na parte burocrática e financeira, onde o gerente da agência relatou que; “O nosso objetivo é procurar facilitar o máximo possível o tempo para eles, pois sei que as atividades rurais são constantes e diárias”, disse o gerente geral do BNB/Macau.

“Os trabalhos se dão mediante a necessidade do cliente, onde nesse caso, devido à quantidade relativamente de clientes nesse dia, adiantamos o que podíamos para obtermos resultados positivos”, concluiu Paulo George.

Pronaf

Em conversar com Cícero, presidente do sindicato rural de Galinhos/RN, agradeceu a todos os envolvidos; “A mais de um ano que os agricultores e agricultoras estavam tentando fazer esse financiamento, onde muitos não acreditavam no sucesso dessas ações,” comentou Cícero, onde também faz questão de registrar o empenho do Neto projetista, dizendo; “Mesmo Neto sendo pago para fazer esses projetos, vimos nele um grande compromisso para que as coisas dessem certo, pois já fazia mais de um ano que nós tentávamos e não tínhamos sucesso” relatou Cícero.

Diante do que foi exposto por todos, fizemos contato com Neto projetista, que segundo suas palavras, fez questão de frisar que; “Estão de parabéns o senhor Humberto e Paulo George, pois mostraram compromisso e sensibilidade com o homem e a mulher do campo, ao tornar as liberações mais rápidas, como também Cícero, que de forma singela, porém eficiente, organizou o grupo, mostrando responsabilidade com os recursos adquiridos”, disse o projetista Neto.

BNB

Diante do dinheiro liberado, perguntamos ao mesmo qual será a próxima etapa,  onde Neto nos falou que; “Será feito o acompanhamento técnico dos serviços de destocamento e da construção de cerca nos lotes dos agricultores e agricultoras” concluiu Neto.

Blog: Com tudo resolvido, fazemos questão de registrar do grande trabalho de todos os envolvidos no processo de fomento a agricultura familiar, sem duvidas nenhuma, a equipe do banco do Nordeste de Macau, representados por Humberto Amorim e Paulo George, estão de parabéns, deixando claro o que nós já sabemos sobre essa conceituada agência, que todos os funcionários são de um profissionalismo excelente, bem como o empenho incansável de Cícero do sindicato rural de Galinhos e de Neto projetista, que a cada dia se mostra um profissional de grande compromisso com a zona rural, não só da região como a nível de estado. Estão de parabéns todos e todas.

BNB/Macau e Codesaop/Macau fomentam agricultura familiar

Arquivado em (RN) Por Wallacy Atlas on 02-06-2013

BNB

Na última terça-feira, 28 de maior, no assentamento Pirangi, distrito de Galinhos/RN, aconteceu às assinaturas dos contratos de quatorze financiamento do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar, PRONAF, sendo investidos aproximadamente R$ 168.000,00, em quatorze projetos elaborados e aprovados pela agência do Banco do Nordeste de Macau.

O recurso do PRONAF ESTIAGEM é uma linha de credito que foi criada no ano passado, exclusivamente para amenizar os danos causados pela seca, que ainda assola até hoje, com a continuação da falta de chuvas.

Participaram da ação, o Presidente do Sindicato Rural de Galinhos, Cícero, o gerente do PRONAF da agência do BNB/Macau, Paulo George, Neto, técnico em agropecuária da CODESAOP/Macau e Júnior, técnico agrícola de Galinhos.

BNBMACAU

Em conversa com Paulo George, no qual ao ser questionado, qual o objetivo do evento ter sido no assentamento, ele disse que; “O objetivo é facilitar para os agricultores e agricultoras, todo e qualquer custo, tanto de dinheiro como de tempo, haja vista, que fica longe e cara, irem várias vezes, dependendo do tipo do projeto, e a agência evitando assim o deslocamento a Macau, bem como explicar os procedimentos da aplicação dos recursos, tirando todas as duvidas que ainda existam, como prazo de pagamento, números de parcelas, bônus, sistema de aplicação do recurso e outras duvidas que possam existir” concluiu George do BNB/Macau.

Já Cícero, Presidente do Sindicato Rural de Galinhos, em contato com nossa redação nos falou que; “Diante da grande dificuldade financeira, com a falta de grão e ração, itens que diretamente afeta a produção e, conseqüentemente o bolso de quem trabalha no campo, a venda do BNB de Macau é uma ótima novidade e estão de parabéns o senhor Umberto, gerente da agencia  e George, que são sensíveis a nossa triste realidade” finalizou o líder sindical rural de Galinhos.

Dando continuidade aos trabalhos, conversamos também com Neto projetista, responsável pela elaboração e assistência técnica dos projetos aprovados pelo o BNB/Macau.

PEONAF

“Isso é só uma parte do processo de fomento rural, no qual é bandeira principal da CODESAOP, não só na região, como em todo o estado, e a equipe do Banco do Nordeste da cidade de Macau, vem conduzindo os trabalhos em prol da zona rural da região, onde com a chegada do gerente da agência, Umberto Amorim, as melhoras são enormes, tanto no andamento dos projetos, como principalmente, no jeito humano com que o senhor Umberto trata os clientes, dando muita atenção e respeito, fatores registrados por todos e todas que o conheci, pois em minha opinião, tira a imagem de que banco financeiro é só para os ricos e também, está de parabéns George, que trouxe os contratos para cá, evitando um desgaste que só sabe quem convivi nessa atividade”, concluiu o projetista.

Depois das assinaturas, foram dadas algumas explicações e tiradas às dúvidas ainda existentes por partes das agricultoras e agricultores, onde todos saíram satisfeitos com a condução dos trabalhos e sabendo de todas as partes dos processos de liberação e aplicação.

Galinhos

É visível o potencial da zona rural em crescer, basta terem ações de acordo com a realidade local de cada região, pois vi que onde tem água e gente disposta a trabalhar, tem fartura e isso só será possível se houver, assistência técnica, apoio público, agricultores e agricultoras que realmente queiram trabalhar.