MACAU: Representante da Procuradoria-Geral de Justiça destaca o compromisso da gestão Tulio Lemos para sair na frente no cuidado e na atenção às pessoas

Arquivado em (Prefeitura de Macau) Por Wallacy Atlas on 20-07-2017

Prefeito assina termo e representante do PGJ destaca esforço da gestão

O I Fórum Municipal de Políticas sobre Drogas, realizado nesta quarta-feira, 19, no Teatro Porto de Ama serviu também para o município de Macau apresentar toda a rede de proteção para pessoas com necessidades decorrentes do uso de álcool e outras drogas. Representando o Procurador Geral de Justiça, Eudo Rodrigues Leite, a Procuradora-Geral de Justiça Adjunta, Elaine Cardoso Teixeira destacou o fato da gestão Tulio Lemos retomar projetos, através de uma rede articulada, que se capacita para reconstruir oportunidades desvinculadas do uso prejudicial das drogas, especialmente para os jovens.

Na sua fala, o prefeito Túlio Lemos ressaltou que todas as secretarias municipais estão integradas para incrementar a implantação de políticas públicas sobre drogas. “A questão das drogas está inserida em uma rede complexa e entendemos que a atuação deve ir além da repressão, trazendo ações que coloquem em prática a filosofia do projeto Transformando Destinos”, declarou o chefe do executivo, bastante otimista.

Transformando Destinos

“A proposta apresentada pelo Transformando Destinos é chamar a atenção da sociedade para o problema das drogas, com enfoque não em combater, mas sob a perspectiva do cuidado e da atenção às pessoas. Temos um dado que retrata bem isso: o índice de evasão escolar está intimamente ligado ao crescimento no acesso ao consumo de drogas entre crianças e adolescentes. Então é preciso reforçar essa rede, com o fortalecimento das políticas públicas”, ressaltou a procuradora-geral de Justiça adjunta Elaine Cardoso.

Termo de cooperação técnica

Durante o fórum, onde também compôs a mesa de autoridades a presidente do Comitê Gestor do Transformando Destinos, a primeira-dama e Secretária Municipal de Assistência Social, Andréa Lemos, o Ministério Público do Rio Grande do Norte renovou o termo de cooperação técnica com o município, representando a ratificação do acordo firmado em 2015.

A comitiva do MPRN no Fórum contou com a Promotora de Justiça Sandra Angélica, que apresentou a palestra “Políticas sobre drogas no Rio Grande do Norte e o Projeto Transformando Destinos” e ainda com a participação das promotoras Kalina Filgueira e Isabel Menezes.

Representando o Projeto Redes, articulado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), vinculada ao Ministério da Saúde, Gustavo Dias e Martha Emanuela também participaram ativamente das discussões no Fórum, onde técnicos das secretarias municipais de Educação, Saúde e Assistência Social apresentaram painéis detalhando os serviços que são ofertados na rede pública em Macau.

Evento foi um verdadeiro sucesso

facebooktwittergoogle_plusmail

GUAMARÉ: Assistência Social capacita servidores para melhorar serviços

Arquivado em (Prefeitura de Guamaré) Por Wallacy Atlas on 20-07-2017

Assistência Social capacita servidores para melhorar serviços em Guamaré

A capacitação de servidores do quadro da Prefeitura de Guamaré é uma marca da gestão municipal nos últimos 55 meses. Atualmente, na Escola de Governo em Natal, está acontecendo uma capacitação com supervisores do Programa Criança Feliz e o município está representado pela Pedagoga Eleonaide Mendes Avelino, que atualmente coordena o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos.

A Secretária de Assistência Social, Marisa Rodrigues considera a capacitação como aprimoramento na qualidade de atendimento complementar a atuação da equipe do Centro de Referência de Assistência Social-CRAS. A adesão do município ao Programa Criança Feliz aconteceu na perspectiva de ampliar o Programa Municipal de Atendimento na Primeira Infância (PAPI),

Na programação da capacitação, conteúdos direcionados à importância da primeira infância no desenvolvimento da criança, dentro dos mais variados aspectos sociais e ainda uma abordagem sobre a prática de campo e o papel do Sistema Único de Assistência Social – SUAS no Criança Feliz.

Criança Feliz

O programa Criança Feliz, desenvolvido pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA), tem o objetivo de acompanhar o desenvolvimento humano a partir do apoio e do acompanhamento do desenvolvimento infantil integral na primeira infância. No Rio Grande do Norte o projeto atende 18 mil famílias em 126 municípios, cujas prefeituras se habilitaram a participar do programa.

facebooktwittergoogle_plusmail

Macau vai ratificar termo de cooperação técnica com projeto do MPRN

Arquivado em (Prefeitura de Macau) Por Wallacy Atlas on 18-07-2017

O prefeito de Macau Tulio Lemos assina nesta quarta-feira (19), um termo de ratificação de cooperação técnica com o Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) que visa reforçar a atuação do município nas ações direcionadas à prevenção do uso de drogas, ao tratamento e à reinserção social. A cooperação é resultado do trabalho ministerial realizado por meio do projeto Transformando Destinos.

O documento será assinado durante o I Fórum Municipal de Políticas sobre Drogas em Macau, fruto da articulação da sociedade civil e de diversos órgãos públicos, que acontecerá a partir das 8 horas no Teatro Petrobras Porto de Ama.

A programação do fórum conta com a participação da coordenadora do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça da Infância e do Adolescente (Caop), Sandra Angélica Pereira Santiago. A representante do MPRN ministrará a palestra “Políticas sobre drogas no Rio Grande do Norte e o Projeto Transformando Destinos”.

“Será um momento em que o Município vai reafirmar o compromisso de priorizar na agenda a política de enfrentamento às drogas, enquanto o fórum se destinará à estratégia de capacitação, disseminando informações para os profissionais do território de Macau”, resumiu a promotora de Justiça, Sandra Angélica.

A procuradora-geral adjunta de Justiça, Elaine Cardoso, que participará da comitiva que irá a Macau, falou sobre a ratificação do termo de cooperação: “é importante que o atual prefeito possa dar continuidade ao projeto e repassar para o secretariado a atenção integrada de atuação. A rede articulada reconstrói oportunidades desvinculadas do uso prejudicial das drogas, especialmente para os jovens”.

Eis a programação

Manhã

Recepção pela Filarmônica Monsenhor Honório e credenciamento (8h às 8h30)

1º momento – Mesa Solene (8h30 às 9h)

2º momento – Políticas sobre Drogas no Rio Grande do Norte e o Projeto Transformando Destinos (9h às 9h45)

Palestrante: coordenadora do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça da Infância e do Adolescente (Caop), Sandra Angélica Pereira Santiago.

3º momento – A Política Nacional de Álcool e Drogas e a Experiência do Projeto Redes no RN (9h45 às 10h30)

Palestrante: Martha Emanuela Figueiró (coordenadora de Território do Projeto Redes/RN) e Gustavo Dias (supervisor do Projeto Redes-Macau/RN.

4º momento – Apresentação do Plano Municipal de Políticas Sobre Drogas e dos Equipamentos Existentes No Território (10h45 às 12h)

Ministrantes: Ivanize Ribeiro/Zilmar Filho/Kleber Barreto e Erica Itaiana.

Tarde

1º momento – Oficina de Interação com Discussão de Casos (13h às 15h30)

Coordenação: Integrantes do Projeto Redes e do Grupo Técnico de Apoio ao Comitê Gestor

2º momento – Divulgação do Edital para Eleição do Conselho Municipal de Políticas sobre Drogas – COMUD (15h30 às 16h)

facebooktwittergoogle_plusmail

Tulio Lemos garante remanejamento no orçamento para resgatar dívida histórica com política social

Arquivado em (Prefeitura de Macau) Por Wallacy Atlas on 17-07-2017

 Tulio garante resgatar dívida histórica com política social

A omissão do poder público na cidade de Macau em relação às políticas públicas de garantia dos direitos da criança e do adolescente foi um dos assuntos que pautou a audiência pública em comemoração aos 27 anos do Estatuto da Criança e da Adolescência-ECA, na quinta-feira (13). Presente ao evento, estando à frente da prefeitura há apenas seis meses, o prefeito Tulio Lemos assegurou que vai buscar o apoio da Câmara Municipal para remanejar verbas do orçamento aprovado para o ano de 2017, contribuindo para o resgate dessa dívida histórica.

A audiência promovida pelo Conselho Tutelar de Macau aconteceu no Teatro Petrobras Porto de Ama e contou com as presenças da juíza da Vara da Infância da Comarca de Macau, Larissa Almeida, do juiz da Infância da Comarca de Currais Novos, Marcus Vinícius Pereira Júnior, da Promotora de Justiça de Macau, Isabel Menezes, secretários municipais, vereadores, da presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, Andrea Lemos e do vice-prefeito Rodrigo Aladim, dentre outras autoridades.

Outro compromisso assumido pelo prefeito Tulio Lemos foi garantir um orçamento bem maior para essa área, a partir de 2018 e o apoio institucional para fomentar o Fundo da Infância e Adolescência – FIA no município, como forma de assegurar a captação de recursos, a partir do orçamento do município e de doações da sociedade civil, para financiar projetos sociais. “Vamos escrever uma nova história, salvando vidas e resgatando famílias com a ajuda de todos que queiram encampar essa luta”, destacou Tulio Lemos.

Para o juiz da Infância da Comarca de Currais Novos, Marcus Vinícius Pereira Júnior, que já foi juiz da Comarca de Macau: “O caminho é sem volta, a partir do momento em que a sociedade passa a tomar para si a responsabilidade com a construção e a consolidação de políticas públicas que vão garantir uma geração futura de homens e mulheres de bem”.

facebooktwittergoogle_plusmail

Promotora de Justiça destaca projeto de Guamaré em audiência pública que comemorou os 27 anos do ECA

Arquivado em (Prefeitura de Guamaré) Por Wallacy Atlas on 17-07-2017

Dra. Isabel destaca projeto de Guamaré em audiência pública 

A cidade de Guamaré foi bastante elogiada audiência pública que comemorou os 27 anos do Estatuto da Criança e da Adolescência-ECA, promovida pelo Conselho Tutelar de Macau, nesta quinta-feira, (13), no Teatro Porto de Ama.

Em uma de suas interferências na reunião pública, que contou também com as presenças da juíza da Vara da Infância da Comarca de Macau, Larissa Almeida e do juiz da Infância da Comarca de Currais Novos, Marcus Vinícius Pereira Júnior, a Promotora de Justiça de Macau, Isabel Menezes destacou o fato do município de Guamaré ter sido selecionado entre 386 cidades do Brasil para desenvolver um projeto apoiado pela Fundação Itaú Social.

O assunto veio à tona justamente quando se discutia a importância da atuação dos conselhos municipais dos direitos da criança e do adolescente, com destaque para os projetos sociais financiados a partir da captação de recursos, através do Fundo da Infância e Adolescência – FIA. O projeto da Fundação Itaú Social fez parte das ações trabalhadas nas estratégias identificadas no processo da edição 2013-2016 do Selo Unicef.

O Projeto intitula-se “Acolher: Programa de Atendimento Educacional” e tem atuação direta em benefício de 100 crianças e/ou adolescentes que estejam com rendimento escolar abaixo da média, que estejam em processo de evasão escolar, ou em atendimento pela Proteção Social Especial – CREAS, órgão ligado a Secretaria Municipal de Assistência Social.

A criança na família, escola e comunidade

“O objetivo desse projeto é aumentar a frequência escolar, em especial de adolescentes até 17 anos e dialogar sobre o convívio familiar e comunitário, debatendo regras e valores sociais que reparem o dano da violação/violência sofrida”, explicou a Secretária de Assistência Social Marisa Rodrigues, que trabalha a iniciativa juntamente com a equipe técnica do CREAS e as famílias dos adolescentes.

Resultados de uma política de parcerias

Para o prefeito Hélio Willamy, a seleção do projeto pela Fundação Itaú Social repercutiu positivamente na organização e estruturação do Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente. “O conselho vem se mantendo forte e participativo, contribuindo nas políticas públicas em defesa da criança e do adolescente”, destacou o chefe do executivo municipal, lembrando que essa é apenas uma, entre tantas outras iniciativas pela garantida dos direitos da criança e dos adolescentes que contam com o respaldo legal da prefeitura na sua gestão.

Foto: Nilton Marcelino

facebooktwittergoogle_plusmail

Guamaré pode contar com um “Prefeito Amigo da Criança”

Arquivado em (Prefeitura de Guamaré) Por Wallacy Atlas on 17-07-2017

Prefeito Hélio é um “Prefeito Amigo da Criança”

O prefeito de Guamaré Hélio Willamy acabou de aderir ao programa “Prefeito Amigo da Criança”. Criado em 1996, o projeto da Fundação Abrinq busca mobilizar e apoiar tecnicamente os municípios na implementação de ações e políticas que ajudem na garantia dos direitos das crianças e adolescentes.

“Serão promovidos seminários que vão possibilitar o diálogo, a troca de experiências e a disseminação de conhecimentos úteis à construção e à consolidação de políticas públicas voltadas à melhoria das condições de vida de crianças e adolescentes”, destacou a Secretária Municipal de Assistência Social, Marisa Rodrigues, empolgada com a iniciativa da gestão.

Avaliação

Segundo Marisa, ao final dos 48 meses de governo, serão avaliados os resultados obtidos pelos municípios que aderiram ao programa. “Vai acontecer uma avaliação técnica e política para conceder aos prefeitos que impulsionaram avanços nas linhas de ação propostas, o pleno reconhecimento pelo êxito na iniciativa”, explicou Marisa.

Hélio Williamy destaca que em seu primeiro mandato de prefeito (2013-2016), institucionalizou as leis, decretos, o plano municipal pela primeira infância, o marco legal pela primeira infância e o pacto pela primeira infância. “Trabalhamos com o foco na atenção no fortalecimento das políticas públicas voltadas para as crianças e os adolescentes”, destacou o chefe do executivo municipal.

Compromisso renovado

“Assinar essa adesão é renovar todos esses compromissos, priorizando as necessidades das crianças e adolescentes, a partir de investimentos em educação, saúde, assistência social, esporte, lazer, além do trabalho em parceria com todos aqueles que integram o Sistema de Garantia dos Direitos das Crianças e dos Adolescentes como está previstas no Estatuto da criança e do adolescente (ECA)”, concluiu o prefeito Hélio Willamy.

facebooktwittergoogle_plusmail

CREAS atua no combate ao trabalho infantil em Macau

Arquivado em (Prefeitura de Macau) Por Wallacy Atlas on 17-07-2017

Combate ao trabalho infantil é um dos eixos de atuação da Secretaria de Assistência Social 

O combate ao trabalho infantil é um dos eixos de atuação da Secretaria de Assistência Social em Macau. Na última semana, as equipes técnicas do Centro de Referência Especializado de Assistência Social – CREAS e do Centro de Referência de Assistência Social – CRAS articularam uma atividade para crianças na faixa etária dos 06 à 10 anos de idade, assistidas pelos Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos – SCFV.

Durante o encontro, foi apresentado o curta-metragem “Vida Maria”, lançado no ano de 2006, que retrata a vida de uma menina de 05 anos de idade que é obrigada pela mãe a abandonar os estudos e começar a cuidar dos afazeres domésticos e trabalhar na roça.

“A equipe técnica do CREAS aproveitou essa oportunidade para conversar também com as crianças e esclarecer pontos acerca do trabalho infantil, deixando claro que esse tipo de atividade é considerada crime de acordo com a constituição brasileira”, pontuou a assistente social Jaciane Capistrano, coordenadora do CREAS.

Rede de proteção fortalecida

O serviço do CREAS funciona em Macau com uma equipe técnica multidisciplinar com assistente social, pedagoga, psicólogo e um advogado. “Estamos reorganizando toda a rede de proteção as pessoas em vulnerabilidade social, fortalecendo os serviços”, destacou a Secretária de Assistência Social e primeira-dama, Andrea Lemos.

facebooktwittergoogle_plusmail

SOCIAL: Políticas públicas garantem protagonismo às mulheres de Guamaré

Arquivado em (Prefeitura de Guamaré) Por Wallacy Atlas on 17-07-2017

Políticas públicas garantem os direitos das mulheres em Guamaré 

O Programa de Apoio a Mulher – PAM, do Centro de Referência Especializado de Assistência Social – CREAS é uma das políticas públicas que se destaca na Assistência Social em Guamaré. O projeto faz parte das propostas de acolhida, fortalecimento de vínculos e empoderamento feminino no município.

“O PAM foi instituído através da Lei municipal nº647/2015 e possui o objetivo de concretizar o atendimento integral a mulher, visando ações articuladas e de acesso às demais políticas públicas, buscando assim o fortalecimento e valorização da mulher e sua família”, destaca Marisa Rodrigues, Secretária Municipal de Assistência Social.

Para Marisa, o projeto cumpre o papel social acerca das situações de violações de direitos a que estas mulheres são expostas no seu convívio familiar, empregatício ou social. Na programação das atividades em grupo, a cada mês são realizados encontros.

A corresponsabilidade do público alvo do projeto, quanto à assiduidade nos atendimentos aos serviços, nos níveis de proteção básica (CRAS), média (CREAS) e alta complexidade e outros temas tem pautado esses encontros mensais, onde participam técnicos na área da assistência social e a secretária Marisa Rodrigues.

“A orientação do prefeito Hélio Willamy é que a gestão tenha primazia pelo zelo às necessidades das famílias atendidas pela Assistência Social no município, e que exige de suas Equipes Técnicas a acolhida, o respeito e a excelência nos serviços prestados”, destacou Marisa.

No encontro deste mês de julho, ocorrido na última semana, aconteceu a comemoração do “São Julhão”. Na ocasião, foi oferecido pela Assistência Social um buffet com comidas típicas da época junina. “Tivemos uma tarde produtiva, mas também de muita descontração”, concluiu Marisa Rodrigues.

facebooktwittergoogle_plusmail

Assistência Social vem aproximando o governo do povo em Macau

Arquivado em (Prefeitura de Macau) Por Wallacy Atlas on 05-07-2017

Secretária Andrea Lemos faz balanço de 180 dias à frente da Assistência Social

O início não foi fácil para a primeira-dama e Secretária Municipal de Assistência Social em Macau, Andréa Lemos, que após 180 dias de muito trabalho já tem o que contabilizar na sua prestação de contas, graças ao seu desprendimento dos gabinetes para servir ao povo macauense, levando ações para as comunidades.

Andrea Lemos aposta no trabalho itinerante para absolver as demandas reprimidas, onde a Caravana da Cidadania tem chegado com os serviços da prefeitura “Ninguém faz nada sozinho, primeiramente, sensibilizamos a nossa equipe para a importância desse trabalho social e recebemos o apoio também da Ouvidoria Geral do Município e das Secretarias de Saúde e da Educação”, destacou.

A primeira-dama também lembrou das parcerias que foram fechadas ao longo desses seis meses de gestão, destacando o apoio da Defensoria Pública do Estado, do Conselho Tutelar de Macau, do IDEMA e do Programa Estadual de Artesanato – Proart. “Estamos unindo forças para superar as dificuldades e melhorar a vida das pessoas”, disse Andrea, ressaltando que a implantação do Sistema Único de Assistência Social-SUAS por meio de uma lei está entre as metas prioritárias do seu trabalho.

facebooktwittergoogle_plusmail

ASSISTÊNCIA: CREAS acompanha doze adolescentes que cumprem medidas socioeducativivas

Arquivado em (Prefeitura de Macau) Por Wallacy Atlas on 28-06-2017

Jovens são assistidos pela prefeitura de Macau, através do CRAS

O Centro de Referência Especializado de Assistência Social – CREAS é um importante equipamento da Secretaria Municipal de Assistência Social para as políticas públicas no município de Macau. No início desse mês, um grupo de trabalho começou a atuar no acompanhamento de dozes adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa e prestação de serviço à comunidade.

O trabalho em grupo permite aos adolescentes vivenciar e construir uma relação sócio familiar diferenciada, através de dinâmicas e oficinas, entre outras atividades oferecidas pela equipe técnica formada por psicólogo, assistente social e pedagoga, sob a coordenação de Jaciane Capistrano.

O principal eixo de trabalho dos profissionais propõe como princípio fundamental, a construção da auto-estima dos valores pessoais e sociais no fortalecimento de vínculos familiares. Os encontros serão realizados mensalmente na sede do CREAS.

Segundo Jaciane, as atividades terão a duração de seis meses, podendo ser prorrogadas por igual período. A equipe recebe assessoramento profissional do Serviço de Proteção e Atendimento Especializado a Famílias e Indivíduos – PAEFI.

facebooktwittergoogle_plusmail

Macau entra na disputa pelo Selo Unicef 2017-2020

Arquivado em (Prefeitura de Macau) Por Wallacy Atlas on 28-06-2017

Prefeito  Tulio e a Sec. Assistência Social Andrea Lemos durante adesão ao Selo UNICEF

Acompanhando o cronograma de ações estabelecido pelas políticas públicas da atual gestão municipal em Macau, o prefeito Tulio Lemos assinou nesta terça-feira (27), em Natal, o termo de adesão a edição do Selo Unicef (2017-2020), que traz no seu novo programa nacional o tema: “Fora da Escola Não Pode!”

O evento promovido pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), em parceria com o Colegiado Estadual de Gestores Municipais de Assistência Social do Rio Grande do Norte (COEGEMAS/RN), aconteceu no auditório da EMATER, no Centro Administrativo e contou também com a presença da Secretária Municipal de Assistência Social, Andrea Lemos.

Andrea Lemos que também é primeira-dama do município destacou que a certificação do UNICEF agora é um compromisso de governo. “Vamos partir para um conjunto de ações intersetoriais e para obter êxito nessa campanha estaremos focando todas as ações nas áreas da Assistência Social, Saúde, Educação e no Esporte nessa meta,” concluiu.

Ao aderir ao SELO UNICEF, o município de Macau assume um compromisso de desenvolver um conjunto de ações estratégicas de políticas e de participação social, voltadas para promover, garantir e realizar os direitos de crianças e adolescentes previstos na Convenção Internacional sobre os direitos de crianças e adolescentes e no Estatuto da criança e do adolescente (ECA).

facebooktwittergoogle_plusmail

Guamaré de volta ao Selo Unicef na edição 2017-2020

Arquivado em (Prefeitura de Guamaré) Por Wallacy Atlas on 28-06-2017

Prefeito Hélio participa da adesão de Guamaré ao Selo UNICEF 201-2020

“A experiência de Guamaré comprova que os municípios certificados com o Selo UNICEF avançam mais na melhoria dos indicadores sociais,” com essa declaração o prefeito Hélio Willamy justificou a adesão a campanha do Selo Unicef  2017-2020, durante a solenidade que aconteceu nesta terça-feira (27), no auditório da Emater em Natal.

Guamaré recebeu a certificação do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), na edição 2013-2016 do Selo Unicef. “Conseguimos implementar políticas públicas para redução das desigualdades e garantia dos direitos das crianças e dos adolescentes previstos no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA)”, avaliou a Secretária de Assistência Social Marisa Rodrigues.

Segundo Marisa Rodrigues, o município implantou ações estratégicas que melhoraram os indicadores de impacto social relacionados aos direitos à saúde, educação, proteção e participação social de crianças e adolescentes. Durante cada edição do Selo, o UNICEF capacita gestores e técnicos das secretarias municipais e conselheiros de direitos e adolescentes para qualificar a elaboração e execução das políticas públicas.

facebooktwittergoogle_plusmail

Prefeitura prepara Pré-Conferências de Assistência Social para Baixa do Meio e Guamaré

Arquivado em (Prefeitura de Guamaré) Por Wallacy Atlas on 26-06-2017

Guamaré se prepara para Conferências Municipais de Assistência Social

Visando melhorar todas as políticas públicas na assistência ao cidadão de Guamaré, a prefeitura ultima os preparativos para as Pré-Conferências Municipais de Assistência Social, que terão como tema: “Garantia de Direitos no Fortalecimento do SUAS”.

Os encontros serão abertos a população e vão ser realizados na próxima terça-feira (27), às 19h, na Sala de Vídeo da Escola Municipal Professora Maria Madalena, em Baixa do Meio e na quarta-feira (28), às 19h, no Auditório da Escola Municipal Benvinda Nunes Teixeira, na sede do município.

A VII Conferência Municipal de Assistência Social está programada para acontecer no dia 11 de julho, no Plenário da Câmara Municipal. Na organização do evento, a Secretaria de Assistência Social espera reunir em média mais de 100 pessoas.

facebooktwittergoogle_plusmail

EDUCAÇÃO INCLUSIVA: NUMEESP promoveu ação para lembrar o 18 de Junho em Guamaré

Arquivado em (Prefeitura de Guamaré) Por Wallacy Atlas on 26-06-2017

Mobilização marcou o 18 de junho em Guamaré

Com apoio da Prefeitura de Guamaré, o Núcleo Municipal de Educação Especial-NUMEESP, promoveu uma ação para lembrar o 18 de Junho – Dia do Orgulho Autista. Durante a mobilização, foi realizada uma blitz com adesivagem de carros e panfletagem em Guamaré e no distrito de Baixa do Meio.

“O intuito da mobilização foi conscientizar a população para o tema, bem como explicitar os direitos das crianças com necessidades educativas especiais”, explicou a Secretária de Educação, Chyntia Miranda, lembrando que o NUMEESP constitui-se como apoio para o processo de construção de uma escola inclusiva.

Valorizando experiências, potencialidades e convivência com a diversidade humana e a solidariedade, o órgão atende crianças com deficiências de todo o município, no ensino regular e destaca-se como uma de suas funções, a divulgação dos princípios da educação inclusiva.

facebooktwittergoogle_plusmail

SAÚDE MELHOR: Prefeitura de Guamaré adquire novos tabletes para agentes de saúde

Arquivado em (Prefeitura de Guamaré) Por Wallacy Atlas on 07-06-2017

Profissionais passam por capacitação

A saúde é uma marca forte da Prefeitura de Guamaré na atual gestão. O treinamento e a capacitação do sistema Atende Saúde, com a entrega de tablets atualizados com uma nova versão mostram o compromisso da gestão Hélio Willamy com o avanço da saúde pública.

Para o Secretário Municipal de Saúde, Adriano Diógenes, os tablets possibilitam ao agente um atendimento e uma atenção mais qualificada com o paciente. A capacitação aconteceu entre os dias 30 de maio e 1º de junho, no Auditório do Hospital Manoel Lucas de Miranda.

facebooktwittergoogle_plusmail

Guamaré premiada nacionalmente entre as cinco experiências em Vigilância Socioassistencial

Arquivado em (Prefeitura de Guamaré) Por Wallacy Atlas on 02-06-2017

Guamaré sendo reconhecida a nível nacional 

O município de Guamaré foi premiado nacionalmente na 1ª Mostra de Experiências em Vigilância Socioassistencial, destacando-se entre os cinco trabalhos dos 35 municípios brasileiros selecionados. O reconhecimento veio esta semana, durante o X Encontro Nacional de Vigilância Socioassistencial, realizado em Brasília, nos dias 24 a 26 passados.

A nota técnica que habilitou o projeto inscrito por Guamaré no evento promovido pelo Ministério de Desenvolvimento Social e Agrário foi resultado da experiência “Benefícios Sociais de Transferência de Renda: A integração do Programa Municipal Renda Cidadã ao Cadastro Único”.

“Exportamos uma experiência pioneira, compartilhando um projeto que já está consolidado, a partir da nossa perspectiva de gestão na assistência social”, observou Marisa Rodrigues, secretária municipal de Assistência Social, que recebeu o diploma em Brasília, onde representou o prefeito Hélio Willamy. A cidade também foi a única do estado que teve assento na mesa debatedora do evento nacional.

facebooktwittergoogle_plusmail

Assistência Social e Educação continuam juntas no Combate à Exploração Sexual Infantil em Macau

Arquivado em (Prefeitura de Macau) Por Wallacy Atlas on 24-05-2017

Andrea Lemos e Vagner Souza, secretário de Educação, participam de mobilizações

A Prefeitura de Macau continua com as atividades alusivas ao Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração de Crianças e Adolescentes. Na última semana, várias escolas receberam a visita das equipes das Secretarias de Educação e Assistência Social, acompanhadas pelos conselheiros tutelares do município.

Segundo a secretária de Assistência Social, Andréa Lemos, o trabalho intersetorial de conscientização deve continuar, de forma que nenhuma escola e comunidade fiquem de fora da programação, articulada com o conhecimento da Vara da Infância e Juventude de Macau e do Ministério Público.

“Disque 100”

No Brasil o “Disque 100”, criado pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, é um serviço de recebimento, encaminhamento e monitoramento de denúncias de violência contra crianças e adolescentes. O Disque 100 funciona diariamente de 8h às 22h, inclusive aos finais de semana e feriados. As denúncias são anônimas e podem ser feitas de todo o Brasil por meio de discagem direta e gratuita para o número 100.

facebooktwittergoogle_plusmail

Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes na ordem do dia em Guamaré

Arquivado em (Prefeitura de Guamaré) Por Wallacy Atlas on 22-05-2017

Campanha do 18 de maio bem sucedida em Guamaré

Com apoio da administração municipal, a sociedade de Guamaré tem discutido amplamente as temáticas que envolvem o abuso e a exploração sexual de crianças e adolescentes, nos últimos seis. No 18 de maio, um fórum reuniu profissionais e a população para debater o assunto na Câmara Municipal.

O tema proposto no evento foi: “A Corresponsabilidade da Justiça no Enfrentamento ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes”. Formaram a mesa da solenidade, a Secretária Municipal de Assistência Social e Presidente do Conselho Municipal da Criança e do Adolescente – CMDCA, Marisa Rodrigues e a vice-prefeita, professora Iracema Morais, que na ocasião representou o prefeito Hélio Willamy.

Ministério Público presente

A Secretária de Educação, Cinthya Katterinny, a Presidente do Conselho Tutelar de Guamaré, Maria das Dores Simões e Juliana Câmara, assistente social e representante da Secretaria Municipal de Saúde também fizeram parte da mesa debatedora, onde o Ministério Público da Comarca de Macau esteve representado pela assistente social Giselda Vasconcelos.

Tema discutido nas escolas

A temática foi trabalhada no município desde os dias 08 e 10 de maio, nas escolas municipais da comunidade de Salina da Cruz e no distrito de Baixa do Meio, através de parceria entre Educação, Centro de Referência Especializada de Assistência

Social – CREAS, Setor de Alta Complexidade da Assistência Social e Conselhos Tutelar e de Direitos da Criança e do Adolescente.

A família em discussão

Ainda nessa semana, na terça, 16, e na quarta-feira, 17, o assunto foi debatido junto às famílias referenciadas pelos Centros de Referência de Assistência Social – CRAS. O CREAS e o Setor de Alta Complexidade também participaram da mobilização.

Carta de Guamaré

Durante as discussões, a secretária Marisa Rodrigues lançou alguns desafios enfrentados pelos profissionais do CREAS, a exemplo da rotatividade de juízes na Comarca, a morosidade da Justiça para penalizar o agressor e a dificuldade de acompanhamento, tanto das vítimas, quanto das famílias e dos próprios agressores. As discussões do fórum culminaram com a elaboração da “Carta de Guamaré”, um documento que será encaminhado a outros órgãos com as demandas levantadas.

Executivo em alerta

Representando o prefeito Hélio Willamy, a vice-prefeita Iracema Morais fez um alerta para as famílias e para sociedade: “É preciso que todos estejam atentos, pois o agressor pode está dentro de casa”, observou dona Iracema, reforçando que o município tem uma rede preparada e bem articulada para proteger as famílias e as vítimas desse crime.

Expectativas superadas

Para a Secretária Marisa Rodrigues, o fórum superou todas as expectativas. “Sentimos um amadurecimento na fala dos profissionais e na articulação e mobilização do trabalho em rede. Saímos daqui com o sentimento que é possível aumentar cada vez mais o zelo e o cuidado com o futuro das crianças e dos adolescentes de Guamaré,” concluiu.

Clique nas imagens!

18 de maio em Guamaré teve participação maciça da população

facebooktwittergoogle_plusmail